Tag Archives: photo

:: Novas fotos do verao!

31 ago

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

31 de agosto de 2009

Finalmente, algumas novas fotos do nosso verao 2009!

Para ver todas as fotos, clique aqui!

Tem Rogers Cup, assistimos os jogos do Federer vs Tsonga e Davydenko vs Murray. Show de organizaçao, 100% de bilhetes vendidos, calor de mais de 30 graus, demais.

IMG_4537

E tem umas fotos do festival interational de fogos de artificio de Montreal. A cada ano, durante uns 10 sabados um pais apresenta um espetaculo de 30 minutos de fogos com uma musica de fundo. De um lado do rio, as pessoas pagam ingresso e assistem ao show sentadas de dentro de um parque. Do outro lado do rio, sobre e sob a ponte, as pessoas nao pagam nada a assitem ao mesmo espetaculo.

IMG_3974

Esse ano assistimos os shows da Australia, Argentina, Inglaterra e a cerimonia de encerramento. Clique aqui para dar uma olhada no site do festival:

http://www.internationaldesfeuxloto-quebec.com

IMG_3929

Para ver todas as fotos, clique aqui!

Anúncios

:: Novas Fotos / New Photos

12 jul

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

12 de julho de 2009

Depois de uma semana pra la de ocupada, retomo minhas atividades aqui no blog!

Pra começar, novas fotos do verao por aqui, visita do Betones, show do Dave Matthews Band e algumas fotos da cidade.

Estou preparando um album especial dos shows do festival de jazz de Montreal… cada show, cada foto… aguardem!

Para ver as fotos, clique ao lado >>>>>>>>

Ou clique aqui!

:: Mercado da Cantareira

31 maio

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

31 de maio de 2009

* Essa aqui foi meu pai que enviou! O famoso mercadão de São Paulo tem nome e sobrenome! Além é claro do pastel de bacalhau e do sanduba de mortadela…

O Mercado Municipal de São Paulo, inaugurado em 1933, é um importante entreposto comercial de atacado e varejo, especializado na comercialização de frutas, verduras, cereais, carnes, temperos e outros produtos alimentícios. O Mercado localiza-se no centro antigo da Capital Paulista, sobre uma área ganha ao Rio Tamanduateí, na Várzea do Carmo.

MercadoMunicipal1

O edifício, em estilo eclético, foi construído entre 1928 e 1933 pelo escritório do renomado arquiteto Francisco de Paula Ramos de Azevedo, sendo o desenho das fachadas de Felisberto Ranzini. No interior, magníficos vitrais de Conrado Sorgenicht Filho mostram vários aspectos da produção de alimentos.

MercadoMunicipal2

O entreposto foi totalmente reformado em 2004, na administração da prefeita Marta Suplicy. A fachada foi recuperada, os vitrais foram restaurados e foi construído um mezanino, de autoria do arquiteto Pedro Paulo de Mello Saraiva, com diversos quiosques de comes e bebes.

MercadoMunicipal3

Graças à reforma, o Mercado é hoje um ponto de encontro dos paulistanos. Atualmente está sendo cogitada a construção de um estacionamento subterrâneo para facilitar o acesso dos visitantes, mas ainda não há data prevista para o início das obras.

Fonte: Wikipedia

*** Veja aqui o site oficial do Mercadão ***

*

MercadoMunicipal4

MercadoMunicipal5

MercadoMunicipal6

MercadoMunicipal7

:: Chema Madoz – Fotógrafo

28 maio

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

28 de maio de 2009

José Maria Rodríguez Madoz (Madrid, 1958), também conhecido apenas como Chema Madoz, é um dos mais importantes expositores da fotografia espanhola atual, com projeção internacional. Graduou-se em Fotografia pelo Centro de Essência da Imagem da Universidade de Madrid, realizando sua primeira individual em 1985.

Sua carreira iniciou-se com a fotografia da figura humana, passando a partir de 1990, para objetos do cotidiano, em que imprimiu sua marca. Mais do que apenas fotografar objetos, ele lhes dá novo sentido e utilização mudando sua função e contexto. O artista cria novas metáforas, paradoxos, e até humor em suas fotos, transformando o comum em incomum.

O estilo simples e claro de sua fotografia, sempre em preto e branco ou sépia, destaca ainda mais este deslocamento que modifica a forma como que o espectador encara estes objetos, corriqueiros se analisados separadamente, mas que ganham uma nova dimensão na forma em que estão aplicados.

Chema Madoz recebeu diversas premiações, como o Prêmio Kodak España de 1991, o Overseas Photographer, Higasikawa Photofestival de 2000 no Japão e o Prêmio Nacional de Fotografia do Ministério de Cultura da Espanha também em 2000. Suas obras constam em livros, revistas galerias e museus da Espanha e de outros países, como França, Estados Unidos e Japão.

avion

*** Clique aqui para ver mais fotos de Chema Madoz ***

Fonte: Wikipedia

:: O El Niño

18 maio

Por PLANETA SUSTENTÁVEL

http://planetasustentavel.abril.com.br/home

18 de maio de 2009

Quem nao sabe, aprenderá, quem sabe, relembrará… informação como essa nunca é demais. O que eu achei legal é que eles conseguiram explicar muito bem e de uma forma visual.

el_nino_1

el_nino_2.1

el_nino_2.2

el_nino_2.3

el_nino_3

el_nino_4

:: Indoor activities in Montréal

15 maio

By TOURISM MONTREAL

http://www.tourisme-montreal.org

4 May 2009

While Montréal is renowned for its gorgeous summer climes, there will be days, alas, when the forecast won’t be pretty. Here are some great ideas on what to do when the rain starts to fall, or when you just want to get out and do something different.

horizon-roc-climbing-centre_3Remember those dreams of flying as a kid? Skyventure Montréal now gives you the chance to relive them. Its amazing vertical wind tunnel lets you soar like a bird and practice your freefall stunts—or start working them out—in a highly secure environment. Thrills guaranteed!

If the kids have got you climbing the walls, then why not do it, literally? Horizon Roc Climbing Centre offers 27,000 sq. ft. of highly textured climbing space, recreational activities and courses for everyone, starting from five years of age. Plus, find out if Little Jimmy really intends to run away and join the circus by offering him trapeze lessons here first.

At 365 Volleyball, beach volleyball players never need to worry about iffy skies keeping them from digging balls fast and furious. The centre offers year-round indoor volleyball on gigantic sand courts (Olympic-calibre sand for the toes) as well as a mezzanine for watching matches. Best of all, it operates on a drop-in basis, so if you’re swing’s hot and your quads are strong, there’s always a game to be part of.

le-taz

Spelunkers will love exploring the natural underground cave at the Site cavernicole de Saint-Léonard. Guided visits include a slide show and the chance to check out an authentic grotto that dates back 10 to 20,000 years. Bats not included.

Still hoping to relive the glory when you popped your first BMX wheelie while scoping out the neighbourhood? Show the kids how it’s done (maybe now they’ll teach you how) at TAZ, one of Canada’s biggest indoor multidisciplinary sports centres. Try inline, acrobatic and speed skating, skateboarding and other sorts of adrenaline-pumping action at the rollerdome or skatepark. Wristpads, kneepads and fearlessness all recommended.

:: A maior cervejaria do mundo

15 maio

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

15 de maio de 2009

A maior cervejaria do mundo se chama Anheuser-Busch InBev. Não é uma empresa, é um monstro! Eu nem acreditei quando vi as marcas produzidas pela ABInBev, incrível! Os caras dominam o planeta… Com certeza você já bebeu ou conhece mais de 5 marcas de cerveja produzidas por eles.

*

Perfil da empresa

abinbev_logoAnheuser-Busch InBev is the leading global brewer and one of the world’s top five consumer products companies. On a pro-forma basis for 2008, the combined company would have generated revenues of 39.2 billion USD. With a dream to become The Best Beer Company in a Better World, the company has a strong, balanced portfolio.

With four of the top ten selling beers in the world, Anheuser-Busch InBev holds the number one or number two position in over 20 key markets. It has a key presence in both developed and developing markets.

Headquartered in Leuven, Belgium, Anheuser-Busch InBev leverages the collective strength of approximately 120 000 people in over 30 countries worldwide. The company works through six operational Zones; North America, Latin America North, Latin America South, Western Europe, Central & Eastern Europe, and Asia Pacific, allowing our consumers around the world to enjoy our beers.

With operations and license agreements around the globe, Anheuser-Busch InBev is a truly global brewer.

A true consumer-centric, sales driven company, Anheuser-Busch InBev manages a portfolio of nearly 300 brands that includes three global flagship brands; Budweiser, Stella Artois and Beck’s, fast growing multi-country brands like Leffe and Hoegaarden, and strong “local jewels” such as Bud Light, Skol, Brahma, Quilmes, Michelob, Harbin, Sedrin, Cass, Klinskoye, Sibirskaya Korona, Chernigivske, and Jupiler, among others. In addition, the company owns a 50 percent share in Grupo Modelo, Mexico’s leading brewer and owner of the global Corona brand.

*

Marcas

beer_1beer_2

beer_3beer_4beer_5beer_6beer_7

beer_8beer_9beer_10beer_11beer_12

*

Um desbunde nao é mesmo? Cervejas para todos os gostos e culturas. E olha que a lista acima nao está completa, ainda faltam pelo menos umas 15 outras marcas de cerveja.

Aqui eu listei 56 marcas!

Destas 56, conheço 24 apenas!

E das 24 que conheço, degustei 18 somente…

E você? Quantas você conhece? E quantas você já bebeu?

:: The Magic Realism of Rob Gonsalves

13 maio

By RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

13 May 2009

Rob Gonsalves is a Canadian painter of magic realism with a unique perspective and style. He produces original works, limited edition prints and illustrations for his own books. Rob Gonsalves was born in 1959 in East York,Ontario.

During his childhood, Gonsalves developed an interest in drawing from imagination using various media. By the age of twelve, his awareness of architecture grew as he leaned perspective techniques and he began to create his first paintings and renderings of imagined buildings.

After an introduction to artists Dalí and Tanguy, Gonsalves began his first surrealist paintings. The “Magic Realism” approach of Magritte along with the precise perspective illusions of Escher came to be influences in his future work.

Source: http://en.wikipedia.org/wiki/Rob_Gonsalves (Wikipedia)

rob_gonsalves_14

*

Para ver mais fotos, clique aqui.
Para saber mais sobre Rob Gonsalves, clique aqui.

*

To see more photos, click here.
Further information about Rob Gonsalves, click here.

*

:: Bebe-se cerveja neste planeta

8 maio

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

8 de maio de 2009

Eu não sei quanto à você, mas eu bebo, em média, 1 litro de cerveja por semana. E já faz um tempo que eu tenho este hábito saudável. Não vou dizer que é fácil, preciso me esforçar para não deixar a média cair… E outra, não que eu goste, eu bebo para não fazer feio na frente dos meus amigos.

É como ir à academia, comer brócolis, fazer alongamento, fazer check-up anualmente, ninguém gosta, mas todos sabem que faz bem, além do que, é super bem visto pelos outros membros da sociedade.

Outro dia estava pensando: será que não é melhor eu aumentar um pouco o meu consumo de cerveja? Não sei, a idade e tal, a preocupação do mundo com a emissão de poluentes, o Obama, o Osama, tantas guerras por aí, esta loucura da vida moderna, será que não é uma boa idéia beber um pouco mais de cerveja para ficar ainda mais saudável e bonito?

Resolvi pesquisar e veja só o que eu achei:

grafico_cerveja

Eu não sou muito bom em análises, mas pude tirar duas grandes conclusões com a ajuda deste gráfico:

1. Bebendo 1 litro por semana, beberei em um ano cerca de 50 litros. Seria perfeito se eu morasse no Brasil, onde a média é de 50L por ano, por habitante. Como moro no Canadá, preciso me enquadrar nos hábitos da sociedade local, ou seja, preciso aumentar minha média para 1,5L por semana para chegar nos 70 litros anuais (arredondei para cima, é claro, pois sou brasileiro e não desisto nunca). Acho até que esta atitude positiva facilitará minha integração com o povo daqui.

2. Vemos que a maioria dos países listados no gráfico acima fazem parte da elite global, dos países mais ricos, mais cultos, mais poderosos, mais organizados, enfim, “la crème de la crème”! Então pensei: se eu beber mais, além de facilitar minha adaptação ao Canadá, ficar mais saudável e mais bonito, ainda elevarei o meu status social, poderei enfim ser comparado aos europeus! Incrível, nao?

Depois dessas duas brilhantes conclusões, resolvi agir, comprarei um pack com 6 cervejas belgas hoje à noite e as degustarei vorazmente até o último gole, afinal, estamos em maio e nao quero prejudicar minha média (canadense) de 2009.

Ainda mais depois que vi este mapa! Olhe só os países que não consomem muita cerveja:

mapa_mundi_cervejaEstá vendo? Quem sabe um dia eu me mudo para a Alemanha!

:: A história da Oktoberfest

1 maio

Por RODRIGO VIDAL FERRAZ

https://rodrigovf.wordpress.com

1 de maio de 2009

A primeira Oktoberfest de Munique, em 1810, nada tinha a ver com a multidão de turistas, enormes canecos de cerveja e o parque de diversões da atual festa na capital da Baviera. Naquela época, foi instituída uma corrida de cavalos para comemorar o casamento do príncipe herdeiro Luís, mais tarde rei Luís I da Baviera, com a princesa Teresa de Saxe-Hildburghausen.

oktoberfestA festa, para a qual estavam convidados todos os moradores de Munique, aconteceu num parque longe do centro, baptizado Theresienwiese, em homenagem à noiva. Ainda hoje, é neste mesmo parque que acontece a Oktoberfest de Munique.

O encerramento e ao mesmo tempo ponto alto da festa era a corrida de cavalos, com a presença da família real da Baviera. O enorme sucesso fez com que fosse marcada outra festa para Outubro do ano seguinte, e assim começou a tradição.

O festival de Munique é o maior do mundo. Anualmente, cerca de seis milhões de visitantes participam no festival e na feira em Munique.

Com a emigração dos alemães, a festa mais popular da Alemanha espalhou-se pelo planeta. Hoje existem Oktoberfest em diversos países, como: Argentina, Brasil, Estados Unidos, Hong Kong, Itália, Vietname, entre outros.

Clique aqui para visitar o site oficial da Oktoberfest 2009 em Munique.

Fonte: http://www.wikipedia.org

Alguns números e fatos interessantes

  • 30% da produção anual das cervejarias de Munique é consumida durante a festa
  • 12.000 pessoas trabalham na organização e realização da Oktoberfest
  • 1.440 banheiros e 100.000 cadeiras são colocados à disposição do público
  • Em 2002, foram vendidos mais de 5 milhões de litros de cerveja
  • Em 2003, 6,3 milhões de visitantes consumiram 6 milhões de litros de cerveja
  • Em 2007, um novo recorde, 6,7 milhoes de litros de cerveja foram consumidos

oktoberfest_map